Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Z - ANTÓNIO MARIA LISBOA




6 comentários:

wschmich disse...

Prezado José Maria, estou ciente de que estou me manifestando no local errado, me perdoe! Eu faço parte daquele grupo que fez o curso de Homeopatia aqui no Brasil e faço questão de agradecer-lhe pelos preciosos ensinamentos. Tal como você, para mim também homeopatia não é forma de renda, mas uma forma humana de poder ajudar ao próximo. Deparei-me com um caso de uma jovem senhora (32 anos) que é um exemplo didático de Pulsatilla. Indiquei-lhe Pulsatilla 30 CH, 5 gotas, duas vezes por semana inicialmente, e os sintomas mentais apresentaram uma melhora muito sensível, porém os mesmos retornaram após uns dois meses após a suspenção da medicação. Voltei a indicar-lhe Pulsatilla porém 200 CH,5 gotas, mas a cada 15 dias. As melhoras voltaram a ocorrer, no plano mental e agora também no físico, porém ela se sente muito incomodada com uma prisão de ventre (também crônica, porém vem melhorando lentamente). Considerando que essa jovem senhora gostaria de engravidar, porém tem receio de que os esforços para evacuar interfiram com a gravidez, pergunto-lhe: é válido indicar-lhe Alumina 6 CH em paralelo com a Pulsatilla para tentar minimizar os efeitos desse sintoma em particular, ou melhor esperar que a Pulsatilla complete sua ação equilibradora? Agradeceria imensamente poder saber sua opinião a respeito. Saudações.

José Maria Alves disse...

Boa tarde wschmich

Começo por sugerir que faça a PULSATILLA, 3 gotas de 3 em dias, durante um mês.
A partir daí, poderia fazer uma dose única - com duração de acção de cerca de 6 meses.

A cada toma a paciente agita energicamente o frasco dez vezes.

A prisão de ventre é ligeira?
Quantos dias passa sem defecar?
Como são as fezes?

Um abraço.

wschmich disse...

Prezado Jose Maria,

É com grande satisfação que recebo sua resposta ao meu questionamento, sou-lhe muito grato!!!
As orientações sobre a Pulsatilla já as repassei e serão adotadas a partir de amanhã.
Com relação às perguntas que você faz, repasso-lhe as respostas dadas pela jovem senhora, em suas próprias palavras:

A prisão de ventre é ligeira? A prisão de ventre se refere ao modo como as fezes saem, é necessária muita força para elas saírem.

Quantos dias passa sem defecar? Faço diariamente, mais de uma vez ao dia, o único problema é a força necessária para elas saírem, que chega a causar, às vezes, fissuras anais que sangram bastante.

Como são as fezes? As fezes são em bolinhas, às vezes saem grudadas uma na outra, às vezes saem uma de cada vez, e tem cor marrom.

Mais uma vez agradeço a sua atenção,
Atenciosamente,

Walter Schmich.

José Maria Alves disse...

Boa noite Walter

A Pulsatilla sendo o medicamento de fundo da sua paciente irá concerteza resolver o problema de dificuldade em evacuar.

No entanto, nada obsta a que faça a ALUMINA.

Um abraço.

wschmich disse...

Prezado José Maria,
Fico imensamente agradecido pelas suas orientações.
Quero dizer-lhe que, embora eu não tenha contato com os demais integrantes do grupo que realizou o curso oferecido por vocês da SPH a alguns de nós aqui no Brasil,de minha parte faço e continuarei a faz valerem os princípios que norteiam o HOMEOPATAS SEM FRONTEIRAS. Tenho estudado muito para complementar meus conhecimentos e tido muitas oportunidades de aplicar o que vocês nos ensinaram, felizmente também tenho acertado bastante (tive ótimos professores, rs...).
Coloco-me à disposição caso necessitem de algo dos lados de cá do Atlântico.
Um grande abraço,

Walter Schmich.

José Maria Alves disse...

Bem Haja Walter

Fica a sua oferta de colaboração.

Os HSF-Portugal têm a sua actividade suspensa - espero que não seja para sempre...

Mantenho-me apenas eu a divulgar a Homeopatia na medida das minhas possibilidades.

Um grande abraço.