Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 1 de julho de 2011

CAMINHO DA LIBERTAÇÃO - 32




32. –
Quando a atenção repousa sobre qualquer coisa, a mente fica tranquila.

A concentração é o acto pelo qual a mente se fixa sobre um qualquer objecto ou pensamento, podendo também incidir como já vimos, sobre a repetição de um mantra, evitando-se na medida do possível a dispersão mental (3).

A concreta, visando um objecto materialmente definido ou uma divindade de características pessoais é a mais adequada ao iniciado, o que mesmo assim não faz afastar a sensação de cansaço nos primeiros tempos de prática.

A concentração num objecto implica um conhecimento pleno e detalhado do mesmo, constituindo-se como acto de observação paciente.
Inicialmente devemos escolher os da nossa preferência. Uma flor, um quadro, uma fotografia, um pedaço de rocha com musgo, uma pequena planta, um galho, uma escultura. Isto torna-a mais fácil e atractiva.

De qualquer modo, seja qual for a nossa prática espiritual – oração, japa, concentração, contemplação, consciência constante – devemos ser persistentes e laboriosos, praticando-a regular e sistematicamente.
Ramakrishna dizia, que se ocupássemos parte do tempo que desperdiçamos em ninharias na procura do despertar, alcançaríamos a libertação em poucos anos.


JOSÉ MARIA ALVES
www.homeoesp.org


Sem comentários: