Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 1 de julho de 2011

CAMINHO DA LIBERTAÇÃO - 21




21. –
A retenção voluntária do ar na respiração ritmada favorece a aniquilação da actividade mental.
Experimentemos suster a respiração por alguns segundos. Atentemos na quase impossibilidade dos pensamentos surgirem.
Quando respiramos normalmente, os pensamentos sucedem-se quase sempre de modo caótico e é com extrema dificuldade que os conseguimos dominar. Quando sustemos a respiração, ocorre o contrário, ou seja, a dificuldade reside na gestação desses pensamentos.
Interessante será sustermos a respiração por breves segundos, observando simultaneamente o que nos rodeia. Notemos como tudo é real, dotado de uma realidade própria, não contaminada pelos condicionamentos e pelas distracções da mente.

A concentração na respiração ritmada é um admirável auxílio na resolução de inúmeros problemas do foro psicológico. Ansiedade, depressão, neuroses, fobias e até ataques de pânico são controlados por este método.

Inspiremos enquanto contamos mentalmente ao ritmo dos segundos ou das batidas do coração, 1, 2, 3, 4, 5 e 6.
Agora, retemos o ar inspirado enquanto contamos até 3.
Seguidamente vamos expirar, contando o mesmo número que contámos na inspiração.
Devemos seguir o trajecto do ar das narinas aos pulmões, quer na inspiração quer na expiração.
Entre cada respiração ritmada fazemos uma pequena pausa de descanso.
Logo que sintamos algum cansaço devemos suspender o exercício.

JOSÉ MARIA ALVES
www.homeoesp.org


Sem comentários: