Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

terça-feira, 1 de junho de 2010

NÃO ME CHAMES AINDA SENHOR...





Ele não está longe nem perto
Fora ou dentro Acima No baixo
O que só para dentro olha nada verá O que só para fora vive não vê a Luz que faz brilhar a escuridão da noite infernal
Ele é o céu a terra o mar espelhado de céu o dia a noite as flores arbustos e árvores riachos rios e montanhas o meu irmão homem meus irmãos animais o Amor a Paixão as velas dos altares e o cordeiro do sacrifício
Preciso eu de Te procurar Que te hei-de eu oferecer a Ti que tudo tens Bugigangas e bagatelas jejuns e martírio
Sei sei que
Morre antes de Yama o chamar aquele que só se ocupa de ninharias
Por isso
Não me chames ainda Senhor
Que sofro de tanto em vão Te chamar
E de bugiarias me ocupo


JOSÉ MARIA ALVES

Sem comentários: