Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 2 de junho de 2010

DANTE ALIGHIERI (1265-1321) - A TODA A ALMA CATIVA E AO VALOR



A toda a alma cativa e ao valor
dos corações gentis digo o presente;
que seu parecer escrito fique assente
e em seu senhor saúdo-os, pois é Amor.
Passavam já três horas sem rumor
do tempo que de estrelas é luzente
e eis me apareceu Amor subitamente
a quem recordo o aspecto com temor.
E alegre me parecia e segurava
meu coração e ao colo lhe dormia
senhora que num véu se resguardava.
Do coração a arder, se despertava,
receosa e dócil ela se nutria:
e vi depois que ao ir-se Amor chorava.

Tradução de Vasco Graça Moura

2 comentários:

Anónimo disse...

Dr. José Maria Alves, entrei no se site como autônoma e estou fazendo o meu pedido por aqui, pois é o mais recente no blog, desculpe, mas não sei se é certo contactá-lo assim.
Pesquisei no seu site “Ansiedade e Depressão”. Sou uma mulher brasileira, de 50 anos, com uma filhinha de 03 anos, que não trabalha, só faz cursos e não sustento minha filha. Como Gelsemium tenho incapacidade para assumir responsabilidades, sou covarde, protelo trabalho e necessito apoio. Qualquer compromisso, emoção súbita, um susto, medo ou má notícia desencadeia tremores, diarréia.. E como Calcarea Carbônica sou sem cor, apática, irritadiça, nervosa e colérica. Apresento dificuldade de concentração intelectual, sou meio atrapalhada, não gosto de exercícios físicos. Sou preocupada. Tenho disposição a engordar. As regras são adiantadas, muito longas, muito abundantes. Miomas
Creio, que pelo que li no site, sou Gelsemium e Calcárea Carbônica. Estou certa? Posso usar os dois ou só um? Como faço para usar? Quantas vezes ao dia? De que forma?

Obrigada pela resposta
Gisele

José Maria Alves disse...

Boa noite Gi

Tem a resposta no ARTIGO » remédios homeopáticos - abreviaturas

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves