Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

terça-feira, 25 de maio de 2010

NELLY SACHS (1891-1970) - ASSIM FUGI EU...





Assim fugi eu da palavra:

Um pedaço da noite
de braços abertos
só uma balança
para pesar fugas
este tempo de estrelas
afundado em pó
co’as pegadas impressas.

Agora é tarde.
O leve sai de mim
e também o pesado
os ombros já voam
como nuvens pra longe
braços e mãos
sem gesto de levar.

Fundo-escuro é a cor da nostalgia sempre
assim a noite toma
de novo de mim posse.

Tradução de Paulo Quintela

Sem comentários: