Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 16 de abril de 2010

TYMOTEUSZ KARPOWICZ (1921) - UMA LIÇÃO DE SILÊNCIO







Quando uma borboleta
Batia suas asas
Forte de mais, gritavam-lhe:
Silêncio, por favor!

Se um pássaro assustado
Roçava a pluma num
Raio de sol, gritavam-lhe:
Silêncio, por favor!

Assim os elefantes
Aprenderam a andar
Sem som sobre o tambor –
Os homens, sobre a terra.

As árvores nos campos
Se erguiam silenciosas
Como os cabelos quando
Se eriçam de terror.

Tradução de Nelson Ascher

Sem comentários: