Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

domingo, 30 de novembro de 2008

NASRUDIN ENSINA UM BURRO A LER E A ESCREVER



Um rei velho e despótico,
Ignorante, quase anedótico,
Afirmou peremptoriamente:
“Se ninguém disser algo que me agrade
Cortarei a cabeça de todos vós.”

Nasrudin, como sempre
Fez menção de se adiantar:
“Alteza, nada façais
Que eu algo farei que vos compraza.”
“E que farás tu sandeu?”
“Eu consigo ensinar um burro a ler.
E a escrever também.”
“É melhor que o faças
Ou em vida ordenarei que te esfolem.”
“Irei honrar a minha palavra.
Mas tal tarefa ocupar-me-á dez anos.”
“Eu tos concedo.”

E nisto, retirou-se para os seus aposentos.
De imediato os nobres da corte
Envolveram Nasrudin com questões.
“Como é que podes ensinar um asno a ler?
Como ensinarás a escrever
Quem nem mãos tem?
A tua loucura levar-te-á a penitente morte.”
“Calma, tende calma, ficai tranquilos”, disse Nasrudin.
“Dormi sossegados, o mesmo farei.
O rei tem setenta e cinco primaveras
E eu com oitenta conto.
Muito antes dos dez anos
Outros factores e elementos
Irão influir no aprendizado do jumento.”


JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org

Sem comentários: